Clássicos russos de Eisenstein estão disponíveis na plataforma digital Looke

Serguei Eisenstein é considerado um dos mais importantes cineastas russos e mundiais de todos os tempos, sendo um dos pioneiros da linguagem e estética cinematográfica, tendo influenciado realizadores do mundo todo.

Para o deleite dos cinéfilos, quatro filmes sobre o diretor que fez parte do movimento do Construtivismo Russo, estão disponíveis no Looke, para assinantes e locação.

A começar por A Greve, primeiro longa dirigido por Eisenstein e com forte temática social, o filme fala sobre a morte de um operário, acusado de roubo, que culmina em uma greve dos operários de uma fábrica russa.

Baseado em fatos históricos, Outubro é um filme de comemoração do 10º aniversário da Revolução Russa de 1917, quando os Bolchevistas derrubaram o governo de Kerensky, no episódio conhecido como Dez Dias que Abalaram o Mundo.
Alexander Nevsky retrata a vida do príncipe Russo de mesmo nome, que foi o grande líder russo da era medieval, sendo canonizado pela igreja ortodoxa Russa.

Dividido em duas partes, Ivan, O Terrível fala sobre o passado do Grão-Príncipe de Moscou, que unificou todos os principados russos do século XVI decretando guerra contra os tártaros, livonianos e poloneses. O filme foi feito por Eisenstein, para agradar Stálin, que tinha profunda admiração pela figura de Ivan.

A Greve (1925)

Informações adicionais

A Greve (Statchka, União Soviética, 1925). Direção: Serguei Eisenstein. Com Grigori Aleksandrov, Yudif Glizer, Maksim Shtraukh

Outubro (Oktyabr, União Soviética, 1928). Direção: Sergei M. Eisenstein e Grigori Aleksandrov. Com: Vladimir Popov, Vasili Nikandrov, Chibisov

Alexander Nevsky (Alexander Nevsky, União Soviética, 1938). Direção: Sergei M. Eisenstein, Dmitriy Vasilev. Com Nikolai Okhlopkov, Andrei Abrikosov, Dmitriy Orlov

Ivan, o Terrível (Ivan Groznyy, União Soviética, 1954). Direção: Sergei M. Eisenstein. Com: Nikolay Cherkasov, Lyudmila Tselikovskaya

Ivan, o Terrível – Parte II (Ivan Groznyy II: Boyarsky zagovor, União Soviética,1958). Direção: Serguei Eisenstein. Com: Nikolay Cherkasov, Serafima Birman, Pavel Kadochnikov